Rio de Janeiro, 22 de fevereiro de 2011.


Ao
Excelentíssimo Senhor Eduardo Paes, Prefeito da Cidade do Rio de Janeiro


Senhor Prefeito,


Como é do conhecimento de V.Exa. , um dos principais problemas que aflige os que residem na Barra da Tijuca é a dificuldade de deslocamentos por veículos, tanto na rotina diária de sair e vir para nossa   região, quanto para a movimentação interna na citada área. A BARRALERTA, sempre busca uma solução para problemas que existam em nossa região  e que estejam afetando nossa comunidade, por intermédio de propostas ou sugestões  que são enviadas às autoridades competentes.


Considerando-se o acima exposto, julgamos pertinente levar ao conhecimento de VExa. , e propor linhas de ação, para uma questão que diariamente está afetando centenas de pessoas, e ao mesmo tempo gerando constantes críticas em relação àqueles que teriam a responsabilidade de solucionar ou minimizar o problema.  Julgamos oportuno citar uma observação de V.Exa. feita informalmente em determinado encontro com nossa Diretoria, em que V.Exa. mostrava-se irritado com a ação dos elementos da Guarda Municipal  de serviço no sinal de trânsito na Av. Niemeyer na altura da entrada do Vidigal, pois tais guardas não agilizavam o trânsito quando o sinal estava fechado para os veículos e não havia nenhuma pessoa para atravessar tal avenida. Atualmente o sinal do Vidigal conta com dois Guardas Municipais e um Orientador de Trânsito agindo adequadamente, e o trânsito no local é agilizado por tais elementos.


A nossa questão diz respeito a algo que ocorre diariamente, principalmente nos horários de mais movimento, no cruzamento da Avenida das Américas, sentido Zona Sul, em frente ao BarraShopping. No local, os veículos que atravessam o citado cruzamento vindo do BarraShopping, via de regra avançam o sinal, e fecham parcialmente a pista central sentido Zona Sul, causando diariamente um engarrafamento que atinge em certos horários as imediações do condomínio Mandala.               

Para agravar o problema, em determinadas ocasiões os outros dois sinais subseqüentes ao do cruzamento citado não estão sincronizados. O resultado deste fato é o de que muitos motoristas são submetidos à necessidade de utilizar até vinte ou mais minutos para simplesmente ultrapassar o cruzamento em questão, fato este que, conforme anteriormente citado, é motivo de uma constante contrariedade e críticas por parte de tais motoristas. Após o BarraShopping , o trânsito segue normalmente. Para minimizar esta questão, que somente será solucionada quando construído um “mergulhão” no local, apresentamos as seguintes sugestões que, em nossa opinião, se implementadas poderiam minimizar o problema até uma solução definitiva:

a)- Da mesma maneira com que o trânsito é controlado na Avenida Niemeyer, altura do Vidigal, entendemos que existe a necessidade de três elementos para o controle do trânsito no local, um para o sinal do BarraShopping, e outros para os dois sinais subseqüentes.

b)- O esquema sugerido no item anterior deveria ser implementado em certos horários, por exemplo, de 0700 horas às 1100 pela manhã, e de 1600 às 2000 à tarde/noite.

c)- Tais elementos poderiam, como é rotineiramente realizado na Ponte de Joatinga, “puxar” os veículos, sinalizando para agilizar a movimentação dos mesmos.

d)- Verificar rotineiramente a sincronização dos três sinais citados, fato importante para minimizar o problema, pois quando não sincronizados, os veículos que seguem vindo do BarraShopping tem dificuldade para movimentar-se quando atingem a pista central e a lateral da Av. das Américas.

e)- Acompanhamento diário do movimento no local , por intermédio das câmeras existentes, com imediatas providências para solucionar qualquer problema que seja  apresentado no local, que concentra notadamente todo o fluxo diário de veículos oriundos principalmente do Recreio dos Bandeirantes.

 Concluindo, desejamos registrar, que coerente com nosso procedimento de receber e relatar às autoridades competentes os pleitos de nossa comunidade e firmes em nossa atitude de sempre colaborar com tais autoridades, temos a convicção que nossa solicitação será aceita por V.Exa. , e que providências serão tomadas para minimizar a questão, que é pontual, mas gera contrariedade em muitos moradores de nossa Barra da Tijuca.


Atenciosamente,

Kleber Machado - Presidente

Mauro Guimarães Carvalho Leme - Vice-Presidente

Abílio Monteiro Brandão  - Diretor Administrativo

Rogério Aquim - Diretor Técnico

Maria Luiza Gomes - Diretora de Ações Sociais

 

BARRALERTA Associação Civil Comunitária – Declarada de Utilidade Pública Federal, Estadual e Municipal
Av. das Américas, 1155 – Conj. 413 – Edifício Barra Space Center – Barra da Tijuca – RJ – Cep: 22.631-000
Tels.: 2492-5619 / 2493-4520 (fax) –
www.barralerta.org.br – e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

ass barralerta